Ambiente Maker

Ambiente Maker
13 de maio de 2020 Cequipel
Em Sem categoria

O Ambiente Maker está cada vez mais ganhando espaço nas instituições de ensino. Esse espaço permite que os alunos possam criar, compartilhar soluções e experimentar mesmo sem conhecimento prévio. Para isso o Ambiente Maker oferece ferramentas tecnológicas e também recursos mais tradicionais, como os de marcenaria.

O movimento Maker é uma tendência caracterizada pela cultura “Do it yourself”, traduzindo para o português “Faça Você Mesmo”. Essa expressão é usada para incentivar pessoas comuns a fabricar, concertar, modificar e desenvolver projetos com suas próprias mãos. Essas atividades buscam aflorar e valorizar habilidades de produção manual.

O movimento Maker no ambiente escolar pode estimular diferentes habilidades intelectuais do aluno. As atividades desafiadoras, ligadas a solução de problemas, fazem o aluno desenvolver vários métodos e ferramentas para resolvê-las. Além do aluno desenvolver autonomia e criatividade, aprende a trabalhar em equipe, respeitando diferentes pensamentos.

Para que essa metodologia possa ser aplicada a um ambiente de forma assertiva, é interessante que haja planejamento, como setorização das ferramentas e tarefas, dividindo os alunos em pequenos grupos. As estações Makers projetadas pela Cequipel se baseiam em três setores: o setor coworking/planejamento, o setor modelagem, e o setor de prototipação/acabamento.

No setor coworking/planejamento são utilizadas bancadas informatizadas que podem servir para pesquisar, bem como para discutir sobre ideias e projetos. Para que todos os presentes no ambiente possam reconhecer o que está sendo planejado, esse setor também conta com um sistema interativo digital, que é equipado por uma lousa digital na qual podem ser feitos desenhos e marcações.

O setor modelagem é composto por impressora 3D, um rack com uma mini cortadora a laser e um rack com mini plotadora de recorte. Os racks permitem o acondicionamento dos equipamentos, além de conter gavetas para armazenamento de materiais. O setor ainda conta com um gabinete de costura.

O setor, prototipação/acabamento, é equipado com móveis para apoio das atividades e alocação de materiais, sendo cadeiras/banquetas, mesas (com ou sem rodizio), estantes de apoio (com ou sem rodizio), nichos, lixeiras e painéis de apoio. Todos os citados são confeccionados em compensado multilaminado com acabamento em verniz, podendo ser também, revestido em laminado melamínico. No caso das estantes e mesas o revestimento pode ser substituído por EVA ou borracha.